NOTÍCIAS

18/12/2020 17:30:50

LIVE INTERNACIONAL REÚNE REPRESENTAÇÕES DE DIVERSAS PARTES DO MUNDO PARA UMA AVALIAÇÃO SOBRE O OFICIAL DE JUSTIÇA E O ANO 2020


A Fenassojaf realizou, na tarde desta quinta-feira (17), uma transmissão inédita com a realização de uma live internacional. A videoconferência aconteceu às 14 horas (horário de Brasília) e reuniu representações de diversas partes do mundo para uma análise e retrospectiva sobre a atuação do Oficial de Justiça neste ano de 2020.

Além dos diretores da Federação Neemias Ramos Freire, Mariana Liria e Malone Cunha, a conversa contou com as presenças de Francisco Papini, Oficial de Justiça na cidade de Buenos Aires e integrante da União de Empregados da Justiça da Nação Argentina (UEJN); Patrick Gielen, Oficial de Justiça em Bruxelas, na Bélgica, e conselheiro especial da presidência da União Internacional dos Oficiais de Justiça (UIHJ); Mohamed Sylla, Oficial de Justiça em Conacri, na Guiné, e Secretário-Geral da Câmara Nacional de Oficiais de Justiça da Guiné e da Agente de Execução em Breclav, na República Tcheca, Tereza Lungová, também membro da Câmara Nacional dos Oficiais de Justiça da República Tcheca.

Na abertura, a diretora de comunicação da Fenassojaf Mariana Liria chamou a atenção para o ano atípico vivenciado por toda a população mundial com a pandemia do novo coronavírus.

O presidente Neemias Ramos Freire ressaltou a dificuldade enfrentada ao longo deste ano de 2020, com destaque para o falecimento do presidente honorário da União Internacional de Oficiais de Justiça (UIHJ) Jacques Isnard. “Vamos seguir em frente, vamos continuar olhando para frente e vendo as perspectivas que temos. É muito gratificante saber que somos uma grande família de Oficiais de Justiça em todo o mundo”.

“Seguiremos confiantes e emanados com o sentimento de todos os Oficiais de Justiça em todo o mundo, as perspectivas serão muito maiores”, completou.

O diretor de Relações Internacionais Malone Cunha lembrou que ao longo do ano foram muitas as dificuldades pessoais e profissionais enfrentadas no Brasil e no mundo. “Perdemos muitos amigos, familiares e colegas”, lamentou. Além disso, o Oficial de Justiça listou as inovações trazidas aos Oficiais de Justiça como o trabalho remoto em casa e a utilização das ferramentas tecnológicas para o cumprimento dos mandados. Ele também abordou as perdas salariais acarretadas com a pandemia, como a ausência do pagamento da Indenização de Transporte e as ameaças que rondam a existência do serviço público com a proposta da Reforma Administrativa e PEC Emergencial.

Outro tema trazido pelo diretor foi o projeto de lei apresentado pela Administração do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO), que busca o esvaziamento da função dos Oficiais de Justiça com o repasse do cumprimento das diligências simples como citações e intimações aos cartórios.

O trabalho dos Oficiais de Justiça durante a pandemia e a atuação das entidades estrangeiras nas causas da categoria foram abordadas ao longo da transmissão com os dirigentes convidados.
Até o momento, a live internacional conta com mais de 350 visualizações no Youtube e 420 pessoas alcançadas via Facebook. O vídeo permanece disponível no idioma inglês e a versão legendada será disponibilizada na próxima semana.

Clique Aqui para acessar

Da Fenassojaf, Caroline P. Colombo