NOTÍCIAS

02/05/2022 11:39:57

ASSOJAF/PE SE REÚNE COM O CORREGEDOR-GERAL DO TST E REFORÇA URGÊNCIA DA RECOMPOSIÇÃO DA IT PARA OS OFICIAIS DE JUSTIÇA


A Assojaf/PE, representada pelos diretores José Lenilson, Cláudio Siqueira e Alessandro Bernardo se reuniu, na última quarta-feira (27), com o Corregedor-Geral da Justiça do Trabalho, ministro Guilherme Caputo Bastos, que esteve durante toda a semana no TRT-6 para a correição ordinária e outras atividades.

Na ocasião, os dirigentes solicitaram o apoio do ministro para a recomposição da Indenização de Transporte dos Oficiais de Justiça. A Assojaf/PE apresentou todo o relato histórico dos processos impetrados pela Fenassojaf no CSJT e CJF, bem como demonstrou as dificuldades e os altos custos na utilização do veículo próprio no cumprimento dos mandados.

Após ouvir todos os argumentos, o Corregedor-Geral reconheceu as dificuldades do trabalho na execução dos mandados e informou que irá averiguar o andamento do pedido junto ao Conselho Superior da Justiça do Trabalho.

Sobre o oficialato do TRT-6, a diretoria da Associação apresentou a preocupação sobre a defasagem no quadro de Oficiais no Regional e a necessidade de nomeações para o cargo. “O nosso quadro é deficitário e apresenta um alto índice de absenteísmo”, ponderou o diretor Alessandro.

Ao final, a entidade abordou a suspensão do pagamento da VPNI no TRT-6 e os prejuízos financeiros trazidos pela medida. A Assojaf chamou a atenção do ministro de que apenas dois regionais (PE e PB) suspenderam os pagamentos, sem haver ainda uma decisão final por parte do Tribunal de Contas da União.

“Seguimos trabalhando para reverter os cortes ocorridos na VPNI dos colegas, além de atuar pelas demandas que garantem direitos aos Oficiais de Justiça”, finaliza Alessandro.

Fonte/ foto: Assojaf/PE